NORUEGA: UMA APOSTA PORTUGUESA COM CERTEZA

O vinho português é cada vez mais apreciado pelo povo norueguês conhecido por gostar do tradicional. Como adiantou uma fonte da Viniportugal à agência Lusa os noruegueses preferem "vinhos provenientes do mundo velho, que são bastante associados às raízes e tradição". É o caso do vinho nacional, o que tem levado a uma aposta cada vez maior neste mercado.
A grande maioria das pessoas associa o acto de beber um copo de vinho a algo sofisticado e que evidencia classe. Ora, se beber vinho é sofisticado é normal que quem o faça directamente da garrafa seja automaticamente rotulado de “mal educado” e “sem maneiras”. No entanto esta conotação pode ter os dias contados e beber vinho da garrafa pode mesmo passar a ser moda (e quem sabe chique).
A proposta OE para 2017 apresentada recentemente no Parlamento prevê novo aumento de 3% do imposto sobre a cerveja, bebidas espirituosas e vinhos licorosos, o que deixou a Associação Portuguesa dos Produtores de Cerveja (APCV) num estado de "profunda desilusão".
Üllo é um filtro de vinho que promete tornar as suas manhãs de sábado bem mais fáceis. Este produto elimina os sulfitos do vinho, os conservantes que são colocados na bebida e que são os principais originários das dores de cabeça (a que na gíria apelidamos de ressaca) que temos depois de uma noite em que bebemos demais.
É a mais recente novidade no mundo dos vinhos: uma quinta vitivinícola situada na região de Abruzzo, em Itália, acaba de inaugurar uma fonte de vinho totalmente grátis, disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana.
A feira de promoção de vinhos Wine In Azores é já uma imagem de marca da ilha de São Miguel: na sua oitava edição o palco escolhido é o Parque de Exposições da Associação de Agricultores de São miguel, na Ribeira Grande.
O Centro Cultural de Belém recebe nos próximos dias 14 e 15 de Outubro a “Grande Prova Mediterrânica: Azeite e Vinhos do Alentejo”, organizada pela Comissão Vitivinícola Regional Alentejana (CVRA) em parceria com a Casa do Azeite.
O Kongresshaus Zurich é o palco escolhido para receber nesta segunda-feira, dia 3 de Outubro aquela que promete ser a maior prova de vinhos de que há memória no país do chocolate.