DESCOBERTO VINHO COM MAIS DE 6 MIL ANOS.

DESCOBERTO VINHO COM MAIS DE 6 MIL ANOS.
Nasceu há 6 mil anos atrás. É isso mesmo. Os vestígios de vinho encontrados num jarro de Terracota, numa cave Siciliana, já foram analisados e os resultados são surpreendentes. 

Este "vinho" não é apenas muito antigo, mas é provavelmente o mais antigo do mundo. Isto significa que, ao contrário do que a generalidade dos cientistas acreditavam, a produção de vinho em Itália não remonta a 1200 antes de Cristo, mas ter-se-á iniciado 4800 anos antes.

Davide Tanasi, o arqueólogo que liderou a equipa da Universidade da Flórida do Sul, explica o que se alterou na investigação que contribuiu para esta descoberta: “Ao contrário de descobertas feitas em investigações anteriores, que se limitaram à análise de vinhas e portanto mostravam apenas uvas que estavam a ser cultivadas, o nosso trabalho focou-se na identificação de resíduos de vinho”.

“Isso obviamente não envolve apenas a prática de viticultura mas também a produção de verdadeiro vinho – e tudo isto começa muito mais cedo”.

Esta é uma descoberta com um enorme significado por ser a mais antiga em toda a pré-história da Península Italiana e por colocar em causa aquilo em que se acreditava anteriormente: “Antes disto, nós pensávamos que a cultura de vinhos siciliana tinha chegado com a colonização da ilha pelos povos da Grécia antiga”. 

Um dos factos curiosos desta história é que o jarro onde foram detectados os vestígios deste vinho estava intacto.  

Comente este artigo

* Nome:
* E-mail: (Não Publicado)
   Website: (Url do site com http://)
* Comentário: